quarta-feira, 15 de setembro de 2010

Em qualquer lugar!


Uma historia um sonho, um eu e talvez um você (...)

Em qualquer lugar, em uma noite fria, pode até estar chovendo um pouco para o clima ficar bom, você se aproxima de mim como se fosse a primeira e a ultima vez, seus olhos se penetram aos meus, Poderia estar tocando uma musica de fundo talvez seria legal
''Love Is On It's Way'', Suas mãos tocam as minhas, elas estavam quentes, e aqueciam aquele imenso frio, poderia ser 21 horas de uma noite de um sábado qualquer, e como se fosse a ultima e primeira vez você poderia sorrir para mim, talvez falar algo romântico ou uma porcaria qualquer, Lá fora poderia ter um carro, suas malas, você estaria se mudando talvez por causa de um trabalho melhor, você, eu, em uma sala talvez, uma musica de fundo, uma chuvinha lá fora e muito frio, suas mãos sobre as minhas, percorrendo o meu corpo, esquentando do frio imenso, um abraço bem forte, seus lábios tocando aos meus, suas mãos percorrendo o meu corpo, você me dizendo coisas no meu ouvido, coisas lindas ou talvez besteirinhas qualquer, talvez vamos fujir comigo?
-Mais aonde você está, ainda não te vejo, será em meus sonhos, ou em qualquer esquina eu ainda poço me esbarrar, você poderia me pedir desculpa e logo partir, outro dia nos encontrar, talvez um dia até se casar (...)
Tão perto ou tão longe, em uma esquina, em uma festa, no trabalho ou em nem um lugar (...)

4 comentários:

  1. Vc, sim, com um belo texto! Como queria momentos como esse do seu post...
    Uma quinta iluminada! Abç!

    ResponderExcluir
  2. Muito lindo.
    Essa convivência que você retrata, é mais ou menos a convivência que a gente ilusiona. Por vezes dá certo, por vezes, não. O lance é arriscar.

    ResponderExcluir
  3. Lindo texto, lindas frases, linda história de amor... é aquilo que toca ;)

    ResponderExcluir
  4. Uauuuuuuuuu....como você escreve...mas não gosto muito do "Tão perto...mas tão longe..."

    beijos no seu coração!

    Bia

    ResponderExcluir