segunda-feira, 6 de setembro de 2010

.

Um pedaço de mim distante
, um sorriso triste, um amanhecer chuvoso, um abraço sonhado, uma noite fria, um relógio na parede, um olhar (...)
Sinto falta de vocês!

Uma grande historia,
dois grandes e verdadeiros amores, talvez até eternos! (...)
-A forma como vocês me olhavam, e as vezes que eu me sentava sobre o chão só para conversar, falar coisas à toa e até grandes segredos, e eu sabia que eu não falava sozinho, vocês estavam ali, me ouviam me entendiam, me faziam rir até quando eu não tinha mais motivos! Vocês que de tão pequenas construíram e gravaram uma grande parte em mim ou talvez até a melhor parte de minha historia, eu que achava que vocês seriam eternas como até hoje eu ainda acho! Eu que era só uma criança, e lá estava eu ansioso esperando vocês chegarem, é eu ainda me lembro como se fosse ontem, de vocês dos latidos, risadas, brincadeiras, e da primeira vez que vocês foram até minha cama de manhã pularam sobre mim, lamberam meu rosto até eu me levantar, eram meu pequeno e maravilhoso despertador! O tempo passou, comigo vocês cresceram e a cada dia que passa vocês ainda continuam crescendo mais dentro de mim (...)
Às vezes me perco em meus dias, e quando eu me sento sobre o chão querendo conversar com alguém ou aliais conversar com as únicas duas coisas que me faziam viver, que conseguiam me fazer sorrir, que eu ainda podia confiar e que podiam me entender, e vocês não estão mais ali no chão, naquele canto para conversar ou pelo menos me escutar, falar alguma baboseira qualquer, talvez não estão ali mais sempre estarão eternamente em meu coração!


De tão longe mais tão perto (...).

7 comentários:

  1. As saudades...os desencontros...
    Uma boa semana!

    ResponderExcluir
  2. Perfeito o que você escreveu, sinto muito por sua "solidão" espero que tudo melhore, boa noite e fica com Deus

    ResponderExcluir
  3. Perfeito o que você escreveu, sinto muito por sua "solidão" espero que tudo melhore, boa noite e fica com Deus

    ResponderExcluir
  4. Que lindo demais...me tirou lágrimas dos olhos...agora faço só uma coisa:silencio....

    beijos com carinho,

    Bia

    ResponderExcluir
  5. Que texto fofo, adorei. Mesmo na solidão ou na ausência de um ser amado, descobrimos coma caminhar, vc ja descobriu, siga em frente!

    ResponderExcluir
  6. As histórias não precisariam terminar com um se sentar sozinho num silêncio de saudade, não é mesmo?

    Abraços,

    ResponderExcluir